GRANDES SUCESSOS INTERNACIONAIS QUE MARCARAM ÉPOCA

6 capas de esportes que abalaram o mundo

A edição de abril de 2008 da Vogue focou em dietas e looks atléticos da moda. A capa apresentava o astro do basquete LeBron James e a modelo Gisele Bundchen. Por que esse problema entrou para a história? É simples: um jogador de basquete americano se tornou o primeiro negro a aparecer na capa da Vogue desde a fundação da revista. Ou seja, o primeiro em mais de um século de história de publicação. Imagine a discussão acalorada que esse problema causou. Também foi dito que existem elementos de racismo.

6 capas de esportes que abalaram o mundo

Sports Illustrated, 1964

Esta revista agora é conhecida por sua praia especial lançamentos com modelos mostrando moda praia. A primeira dessas edições foi publicada em 1964. A modelo Babette March posou na capa. Agora, não há nada de especial nessas fotos, mas essa capa era desafiadora.

6 capas de esportes que abalaram o mundo

ESPN, 2014

Na capa da American atletas nus aparecem com frequência na revista ESPN. Assim, a publicação demonstra o físico ideal, o look de modelo dos atletas. No entanto, na capa da edição de julho de 2014, os leitores viram o jogador de beisebol Prince Fielder posando para a câmera. Sua aparência dificilmente condiz com a imagem tradicional de um atleta. O próprio Fielder diz que não está interessado na presença de cubos em seu estômago. O principal é mostrar resultados, porque ele é um atleta, não um modelo de fitness. Essa imagem de atleta começou a quebrar estereótipos. A capa gerou muito debate estético.

6 capas de esportes que abalaram o mundo

Sports Illustrated 2016

Prince Fielder estava longe de ser a única história de um tipo. O modelo plus size em 2016 também surpreendeu os leitores da Sports Illustrated. Em um dos números, a modelo Ashley Graham, que dificilmente pode ser chamada de magrinha, foi colocada na capa. Isso é o que os editores queriam: garotas como Ashley também têm o direito de ser consideradas bonitas.

6 capas de esportes que abalaram o mundo

Mode, 1997

Histórias relacionadas modelos plus size já causaram polêmica antes. Por exemplo, em fevereiro de 1997, uma edição da revista Mode é publicada. A capa traz garotas rechonchudas em vestidos pretos. O fato é que a revista lutou contra a moda da magreza. Os modelos plus size são cheios de atrativos e você não precisa se atormentar perdendo peso para ficar bonita - essa é a mensagem que os editores queriam transmitir. Afinal, uma mulher é, antes de tudo, uma pessoa.

6 capas de esportes que abalaram o mundo

A revista Mode falava sobre novidades da moda especialmente para meninas em corpos, editores de boa vontade lhes ofereciam empregos como modelos ou designers.

Sports Illustrated, 2013

Em 15 de abril de 2013, um ataque terrorista ocorreu na chegada da Maratona de Boston. Poucos dias depois, foi publicado um número da revista americana Sports Illustrated, em cuja capa foi colocada uma foto da cena da tragédia: um idoso participante da maratona Bill Ifrig deita no chão, três policiais precipitam-se para o epicentro dos acontecimentos. Foto tirada alguns segundos após a explosãouau.

6 capas de esportes que abalaram o mundo

NEYMAR CHOROU! OLHA o que Nilson Cesar falou após o VICE do PSG pro Bayern!

Postagem anterior Questionário: você pode completar a distância Race of Heroes?
Próxima postagem Primeira pessoa: como vencer a corrida de obstáculos mais difícil da Rússia?